Policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) foram acionados, na manhã de hoje (11), para atender uma ocorrência de um local de incêndio em uma construção localizada na Rua Oscar Guimarães no Centro de Três Lagoas (MS).

Segundo informações, ao chegar ao local, o construtor/responsável pela obra, que se trata de um prédio comercial, se deparou com alguns cômodos incendiados, onde o gesso do teto foi todo queimado e quebrado, assim como materiais de construção, cuja suspeita recaía sobre um ex-funcionário da obra, o qual estaria pernoitando ali, com consentimento do construtor, para evitar pequenos furtos.

Constatou-se, também, no local, que o colchão onde o suspeito dormia foi retirado da cama e colocado numa pilha de materiais de construção e incendiado propositadamente, pois foram encontrados palitos de fósforos, parcialmente queimados.

Informações colhidas no local apontavam que o ex-funcionário foi visto ali por volta da meia noite, embriagado e provocando desordens na frente da construção, onde também foram deixadas três litros de cervejas, vazios.

A partir daí, os policiais passaram a diligenciar e encontraram o homem nas proximidades da Lagoa Maior, onde foi preso e acabou confessando o crime, alegando que o motivo foi porque estava sendo acusado, injustamente, de danificar materiais de construção e de ter “mexido” com mulheres ali nas proximidades da construção.

O suspeito foi autuado em flagrante por incêndio doloso e dano e, após, encaminhado ao presídio local.

Denúncias poderão ser realizadas através dos telefones (67)3929-1173 ou (67) 3521-4984. Com informações da Assessoria de Imprensa SIG.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here