Homem de 41 anos acusado de estuprar a sobrinha de 9 anos, em Ribas do Rio Pardo, teve decretada a prisão preventiva pela Justiça e precisou ser isolado em uma cela da delegacia local, já que os outros presos queriam linchá-lo.

Segundo o Midiamax, o delegado Bruno Santacatharina, disse que em depoimento o homem contou que foi provocado pelo diabo, e teria ainda pedido uma segunda chance querendo ser libertado. Ele passou a noite toda orando.

Ainda segundo o portal, o homem deve ser encaminhado no mês de junho para presídio na Capital.

O caso foi descoberto após denúncias de moradores, que a criança não foi à escola e o tio teria ligação com o caso. O Conselheiro Tutelar solicitou que a criança comparecesse acompanhada da mãe na sede do Conselho para prestar esclarecimentos.

Em declarações, a criança relatou que o tio estava cometendo os abusos há vários meses. Também informou que o crime teria ocorrido na última madrugada, horas antes de comparecer no prédio do Conselho Tutelar. Após o conhecimento dos fatos, os conselheiros acionaram a Polícia Civil.

Quando da sua prisão, o suspeito disse que os abusos aconteciam desde janeiro deste ano, quase todas as noites, sendo, inclusive, responsável por tirar a virgindade da vítima.

Com informações do blog Noticias Sem Pauta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here