A prefeita Délia Razuk entregou para a população do Conjunto Residencial Honório Almirão o centro social que leva o nome da empresária Cenira Pagliarini Pinto. O espaço tem área de 8.500 metros quadrados e é composto de campo de futebol, quadra de vôlei, parque infantil, pista de caminhada e salão multiuso.

O descerramento da placa inaugural foi feito pela prefeita e pelo marido da homenageada, o empresário José Roberto Ribeiro Pinto Júnior. A homenagem foi aprovada pela Câmara Municipal através da lei 4312 de 02 de setembro de 2019, proposta pelo vereador Mauricio Lemes (PSB).

Estavam presentes na solenidade os secretários de Obras, Marise Bianchi; de Administração Elaine Boschetti; de Fazenda Carlos Augusto Pimentel; e de Planejamento Adriana Benício.

Também participaram do evento o secretário geral da União Douradense de Associações de Moradores (UDAM), Rodney Alves da Silva; a presidente da Associação de Moradores do Honório Almirão, a dona de casa Tatiane Vieira; os vereadores Alberto Alves dos Santos e Mauricio Lemes, entre outras autoridades.

O secretário da Udam afirmou que a inauguração do centro social representa uma vitória para a comunidade que terá um espaço de convivência e lazer. A presidente da associação de moradores disse que a obra “é um presente de Deus” que deixou toda a comunidade, formada por 200 famílias, muito feliz.

O empresário José Roberto agradeceu a homenagem dada à sua mulher e disse que a memória de Cenira ficará eternizada nos corações de quem a conheceu e com seu nome no centro social.

O vereador Mauricio Lemes destacou a simpatia e alegria de viver de Cenira e agradeceu a Câmara Municipal por aprovar a lei. A prefeita Délia Razuk afirmou que a obra é mais um legado que sua administração está deixando para as famílias e à população douradense.

Cenira nasceu em Cruz alta no Rio Grande do Sul em 21 de novembro de 1954 e foi casada com José Roberto com quem teve os filhos Felipe e Vinicius.

Trabalhou na Fundação de Cultura de 1986 a 1989 e no ano seguinte fundou com seu marido a empresa Sul Mineira Indústria e Comércio de Pães Ltda., conhecida como “Pão & Companhia”, que mantém mais de 30 funcionários. Cenira morreu de câncer em 27 de maio de 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here